O QUE É A FLACIDEZ? – Reviva Nutrição

O QUE É A FLACIDEZ?

flacidez

A flacidez aterroriza várias mulheres, sendo caracterizada por uma desvitalizaçăo dos tecidos conectivo e também muscular, uma vez que săo interligados. Uma proteína muito importante que tem ligaçăo direta com a flacidez é o colágeno. O colágeno tem composiçăo fibrosa e encontra-se presente em grande quantidade do tecido conectivo. Com o passar dos anos, ocorre uma diminuiçăo na produçăo desta proteína que ajuda a dar firmeza á pele.

Existem dois tipos de flacidez: a muscular, que é profunda, e a dérmica, que se apresenta em uma área mais superficial da pele. Estas podem ocorrer isoladamente ou associadas.

A flacidez muscular tem como principais causas: o sedentarismo, (falta de exercício físico) e a alimentaçăo inadequada. A reduçăo da massa muscular é provocada por dietas desequilibradas, onde ocorre um consumo inadequado de proteínas e carboidratos. A flacidez dérmica tem diversas causas como, o envelhecimento da pele, a diminuiçăo da produçăo do colágeno e as alteraçőes hormonais (como diminuiçăo da produçăo do estrogęnio, por exemplo). Existem também outras causas que ajudam na flacidez, como o fumo, a radiaçăo ultravioleta, o ganho excessivo de peso e a açăo dos radicais livres.

Para prevenir e tratar a flacidez da pele é importante fornecer a energia necessária para preservaçăo da massa magra e ter um consumo adequado de proteínas e de nutrientes que ajudam na produçăo do colágeno. Dentre estes nutrientes, podemos citar: a vitamina C (presente nas frutas como laranja, tangerina, acerola, goiaba e acerola) e o mineral zinco (carne vermelha, caranguejo, ostras, leite e derivados, castanha de caju, amęndoas, feijăo e lentilha) e silício (arroz, aveia, milho, frango, cevada e cogumelos).

Devemos lembrar que năo podemos nos esquecer da hidrataçăo, de evitar exposiçăo solar em horários mais críticos e de praticar atividade física diariamente. Deste modo, para ajudá-los a manter uma pele linda, integra e saudável busque uma ingestăo dos alimentos de forma correta e conte sempre com o auxílio do profissional nutricionista.
Bibliografia:

Schineider Peter Aline, Nutriçăo e Estética, Editora Atheneu, 2009.

Rodrigues, V. Análise dos efeitos do colágeno bovino e derivados na proliferaçăo celular e biossíntese de colágeno em fibroblastos humanos, 2009.

Por Fabiana Fontes
NUTRICIONISTA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *